Tuesday, December 2, 2008

Quinta das Murtas - Sintra

A fonte pinga pequenos oceanos
Que sobressaltam o silêncio fresco
O verde eterno abraça a casa
Como nós nos abraçamos com o olhar

Tudo nasceu hoje
Tudo é agora
Nada há a vir
Aqui já está tudo o que há a sentir.

1 comment:

FABIANA BORGIA said...

É verdade. É no "hoje" que acontece a vida. O passado é arquivo morto e o futuro nunca chega.
Obrigada pelo elogio ao meu blog. O seu também é incrível!
Bjs